quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Farias hoje 100 anos!...



Querido avô,

Que saudades eu tenho de ti e da minha querida avó.
Se continuasses entre nós, farias hoje 100 anos. Um século de vida.
Partiste há quase 20, mas nunca me esqueço de ti.
Homem sábio. Calmo.
Um amor de pessoa com a qual pude partilhar muitos momentos.
Momentos felizes, de união e fraternidade.
Momentos em família.
Que saudades eu tenho!

Ficaste doente e a doença evoluiu rapidamente.
De dia para dia tornou-se estrondosa a evolução das incapacidades
E depressa nos deixaste.

Sabes, ainda hoje choro quando me lembro da última vez que te vi.
Estávamos só os dois. Tu naquela cama de hospital.
Falei contigo e tu, demonstrando que também querias dizer algo,
não o conseguias dizer.
Mais tarde, dei-te um beijo na testa e fui embora.
Ao descer as escadas do hospital pensei que te podia ter dito que gosto muito de ti,
mas não o disse. Demonstrei mas não disse.
E não mais o pude dizer contigo a ouvir-me.
E isso dói, sabes?
Dói muito.

Mas sei que, estejas onde estiveres, sempre soubeste o que sinto.
E és, com certeza, uma das estrelas que brilha alto no céu e olha por nós todos os dias,
juntamente com a avó, o grande amor da tua vida.

Até um dia, querido avô.
E, desta vez ,não deixo por dizer
Gosto MUITO de ti!

Sigam-nos no INSTAGRAM

domingo, 14 de janeiro de 2018

Finalmente...


Depois de uma grande vontade de desfazer a árvore de Natal, no dia 2 de janeiro, eis chegaram os Reis e ela por cá continuou, até hoje. 
Vá lá, não ficou até março como já aconteceu noutros anos.
E a vossa já está arrumada?

Sigam-nos no INSTAGRAM 

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Os Convencidos da Vida


"...Convencidos da vida há-os, afinal, por toda a parte, em todos (e por todos) os meios. Eles estão convictos da sua excelência, da excelência das suas obras e manobras (as obras justificam as manobras), de que podem ser, se ainda não são, os melhores, os mais em vista.
Praticam, uns com os outros, nada de genuinamente indecente: apenas um espelhismo lisonjeador. Além de espectadores, o convencido precisa de irmãos-em-convencimento. Isolado, através de quem poderia continuar a convencer-se, a propagar-se?
(...) No corre-que-corre, o convencido da vida não é um vaidoso à toa. Ele é o vaidoso que quer extrair da sua vaidade, que nunca é gratuita, todo o rendimento possível. Nos negócios, na política, no jornalismo, nas letras, nas artes. É tão capaz de aceitar uma condecoração como de rejeitá-la. Depende do que, na circunstância, ele julgar que lhe será mais útil.
Para quem o sabe observar, para quem tem a pachorra de lhe seguir a trajectória, o convencido da vida farta-se de cometer «gaffes». Não importa: o caminho é em frente e para cima. A pior das «gaffes», além daquelas, apenas formais, que decorrem da sua ignorância de certos sinais ou etiquetas de casta, de classe, e que o inculcam como um arrivista, um «parvenu», a pior das «gaffes» é o convencido da vida julgar-se mais hábil manobrador do que qualquer outro.
Daí que não seja tão raro como isso ver um convencido da vida fazer plof e descer, liquidado, para as profundas. Se tiver raça, pôr-se-á, imediatamente, a «refaire surface». Cá chegado, ei-lo a retomar, metamorfoseado ou não, o seu propósito de se convencer da vida - da sua, claro - para de novo ser, com toda a plenitude, o convencido da vida que, afinal... sempre foi. "

Alexandre O'Neill, in "Uma Coisa em Forma de Assim"

Sigam-nos no INSTAGRAM

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

A fada dos dentes esqueceu-se da visita. E agora?


Não sei como é em vossas casas mas, por aqui, sempre fizemos os nossos filhos acreditar em coisas mágicas, como a Fada dos Dentes. A cada queda de um dente lá veio ela, feliz e cotente, visitar os nossos meninos... até ao dia em que se esqueceu.

Foi no sábado passado que caiu mais um dente ao Salvador e, na hora de dormir, lá o colocou ele por baixo da almofada, esperando ansiosamente pela fadinha. Mas houve um problema: a fada esqueceu-se por completo e não incluiu esta visita na rota da noite. Que falha tão grande!

Foi na manhã de domingo, quando o Salvador foi ter comigo ainda à cama e me disse que ela não tinha vindo, que dei pela falha, tendo-lhe respondido de imediato que se devia ter atrasado e deveria vir um pouco mais tarde.

Tinha de facto de remediar a situação e foi na noite seguinte que a visita se fez. Melhor que tudo foi que, desta vez, para além da moedinha de 1€ habitual , a fada dos dentes ainda lhe deixou uma carta a pedir desculpa pelo atraso e a dizer que ele é um herói. 

Se havia menino feliz na manhã de segunda-feira era o meu querido Salvador, encantado com a sua querida fadinha. 

É tão bom ser criança!

Sigam-nos no INSTAGRAM

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Aqui não é tudo perfeito!

Tenho a sensação de que, muitas vezes, quem segue blogues de família gosta de acompanhar histórias de vida onde tudo é perfeito, mas aqui as coisas não são assim! Este é um blogue que fala da vida real, tal como ela é. E são tantas as imperfeições. :)

Se temos dias maravilhosos, onde a felicidade e boa disposição está no seu auge, também os temos menos bons. Dias em que andamos mais cansados e com menos paciência. Dias em que podemos ralhar e falar um pouco mais alto, mesmo que depois nos arrependamos. Dias em que discutimos e nos chateamos. Enfim, dias piores que depois superamos.

É assim a vida de todos nós, certo? Cada uma com as suas particularidades, mas todas perfeitamente imperfeitas.

E, no final, o que realmente importa é o amor, a compreensão, a união e a humildade que nos matém unidos. E ter-vos também desse lado para ser um bom ombro amigo. :)

Sigam-nos no INSTAGRAM

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Saldos Zara Home: os meus favoritos


Não é novidade para ninguém que a época de saldos já começou e, se há quem perca a cabeça em lojas de roupa, eu cá preferi ir espreitar a Zara Home e escolher alguns dos meus artigos favoritos.
Já várias vezes vos falei do meu gosto pelos brancos e dourados (podem ver aqui aqui) e, por muito que tente desviar a atenção, é sempre sobre estes tons que recaem as minhas preferências.
Na imagem acima deixo-vos a minha selecção de produto, que se encontra agora a preços mais simpáticos.

Sigam-nos no INSTAGRAM

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Desejos para 2018 e dicas para os alcançar


Acabámos de entrar em 2018 e muitos são os desejos que a maioria de nós pretende alcançar. Contudo, nem todos os conseguem concretizar, pois nada acontece por um simples acaso ou como que por magia. A verdade é que o simples querer não nos leva a lado nenhum. 

Assim, ao pensar no que realmente queremos para este novo ano, caberá a cada um de nós estabelecer metas realistas, encará-las como verdadeiros objectivos e correr atrás. É preciso ir à luta e trabalhar muito, sem nunca baixar os braços. Por vezes, até podemos cair e desanimar, mas a força de vontade tem de ser superior, para nos erguermos novamente com mais força e com toda a garra que a vida nos merece, até conseguirmos alcançar o que desejamos.

Desta forma, o que mais desejo para mim e para todos vós é muita força. É que nunca desistamos dos nossos sonhos, apesar de alguns contratempos. É que lutemos e não percamos a força até alcançarmos o que realmente nos faz felizes. E pode ser preciso tão pouco!

A estes desejos junto muita saúde e compaixão. E junto também muito amor. Amor, companheirismo, entre-ajuda, respeito e humildade, porque faz tão bem também conseguirmos olhar para o lado e percebermos que não vivemos sós, que há muito mais mundo para além do nosso umbigo. E o que dermos aos outros será tão bom de receber também.

Em suma,
É importante valorizarmos tudo o que temos, aproveitar ao máximo tudo o que a vida nos proporciona e lutar pelos nossos objectivos e pela nossa felicidade, sempre sendo correctos para com o próximo.

Partilho então convosco 5 pontos essenciais para lá chegarmos:

1) Corram atrás dos vossos sonhos. Se nada fizerem, nunca chegarão onde gostariam.

2) Afastem-se de tudo o que vos faz mal. A vida é para ser vivida com tudo o que há de bom. Tudo o que é tóxico e negativo deve ser afastado, evitando riscos de contágio.

3) Amem. Amem muito! Amem a vida, o vosso marido/mulher, os vossos filhos, os vossos amigos... As pessoas mais importantes que têm na vida. E demonstrem que os amam todos dias. Um gesto, uma palavra fazem toda a diferença!

4) Tratem todas as pessoas com humildade, sentido de igualdade e educação. A vida é uma montanha russa e o que é hoje pode não ser amanhã.

5) Acreditem que Deus é grande, que há provas que temos de ultrapassar e decisões importantes e difíceis a tomar, mas que Ele está atento e nada acontece por acaso. Tudo é uma aprendizagem e, depois de dias menos bons, dias melhores virão.

Lembram-se de vos ter falado deles, aqui? ;)

Bom Ano e Sejam Felizes!


Sigam-nos no INSTAGRAM
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...